Av. Senador Salgado Filho, 2860 - Lagoa Nova - Natal-RN (84) 3204-6256 nagirn@fiern.org.br

Avalie este item
(0 votos)
A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) provê a integração global e a colaboração apoiada em tecnologias de informação e comunicação para a geração do conhecimento e a excelência da educação e da pesquisa.

Desde 2002, é uma Organização Social (OS) vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e mantida por esse em conjunto com os ministérios da Educação (MEC), Cultura (MinC), Saúde (MS) e Defesa (MD), que participam do Programa Interministerial da RNP (PI-RNP).

Pioneira em 1992 como rede nacional de acesso à internet no Brasil, a RNP tem como principal incumbência promover o desenvolvimento tecnológico e apoiar a pesquisa de tecnologias de informação e comunicação, criando serviços e projetos inovadores e qualificando profissionais. Para isso, fornece às instituições públicas de pesquisa e de ensinos superior e tecnológico infraestrutura de redes avançadas que viabiliza e facilita a pesquisa colaborativa em diversas áreas do conhecimento. Por meio de aplicações dessa rede, possibilita a realização de projetos e a implementação de políticas públicas nas áreas de tecnologia, educação, saúde, cultura e defesa.

Essência

Instituição de conhecimento e articulação, voltada para a viabilização e a gestão de soluções inovadoras de interesse público, utilizando as TICs em redes avançadas de educação e pesquisa.

Missão

Promover o uso inovador de redes avançadas.

Visão

Ser reconhecida por prover a integração global e a colaboração apoiada nas TICs para a melhoria da qualidade da educação e da pesquisa.

Valores

  • Inovação e Pioneirismo;
  • Cooperação e Colaboração;
  • Compromisso e Comprometimento;
  • Ética e Transparência;
  • Respeito.


O que fazemos

A RNP provê aos seus clientes um serviço de rede moderno e de alto desempenho, aliado a um portfólio de serviços de comunicação e aplicações de colaboração a distância como suporte às suas atividades em educação e pesquisa. Está presente em todas as unidades da federação através de 27 Pontos de Presença, que formam a espinha dorsal da rede acadêmica nacional, a rede Ipê.

Trata-se de uma infraestrutura de rede óptica à qual 1.522 campi e unidades nas capitais e no interior estão conectados e por onde trocam grande volume de dados e informações em âmbito global. Essas organizações que compõem a RNP são as principais instituições de educação superior e produção de conhecimento e inovação do Brasil, abrangendo principalmente universidades, institutos e unidades de pesquisa federais e estaduais, hospitais de ensino e museus.

Para permanecer na fronteira de experimentação e uso da tecnologia, a RNP fomenta a pesquisa, a criação e o desenvolvimento de protocolos, serviços e aplicações em Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) a serem utilizadas dentro da rede Ipê e que facilitem a comunicação entre a comunidade acadêmica global. Para isso, realiza programas de P&D, em parceria com grupos de pesquisas ligados à engenharia de redes e aos múltiplos campos onde surgem aplicações avançadas de TIC. Dessa forma, amplia-se o conhecimento, a qualificação das pessoas e a inovação de produtos, permitindo a incorporação dos resultados mais promissores ao portfólio de serviços em produção. 

Apenas com uma rica oferta de plataformas e aplicações avançadas torna-se possível atender aos requisitos exigentes de comunidades específicas, como, por exemplo, telemedicina, biodiversidade, meio ambiente, educação a distância, vídeo de alta qualidade em cultura, entre outros. Para apoiar todas essas disciplinas e usos, a RNP promove a capacitação de recursos humanos em TIC, fazendo com que os especialistas e gestores de tecnologia das instituições possam se manter permanentemente atualizados e preparados para a uso inovador da rede.

 Mais informações: https://www.rnp.br/